sexta-feira, 24 de junho de 2011

TrocAqui: o Mercado de Trocas de Faro é já dia 3 de Julho!


 Participe! Não é necessário inscrição prévia, mas não se esqueça que terá de 
levar mesa/banca, cadeira ou o que mais necessitar 
para expor os seus produtos.

Encontra o regulamento e + informação na página do Mercado de Trocas  
aqui do Blogue.

Cartazes para download aqui.


segunda-feira, 13 de junho de 2011

Como vai funcionar o Mercado de Trocas de Faro

Dando sequência às conclusões do Encontro realizado no passado dia 31 de Maio, o Glocal>Faro elaborou o Modelo de funcionamento do futuro Mercado de Trocas de Faro que, depois de ter circulado para comentário entre os participantes e sido apresentado a diversas instituições do concelho, está já disponível para consulta na nova página deste blogue.
Informe-se sobre como se pode participar neste evento e 
vá preparando produtos (ou serviços) que queira ir trocar -
porque o primeiro Mercado de Trocas de Faro irá decorrer 
no Lg. da Madalena já na manhã do próximo dia 3 de Julho!

domingo, 12 de junho de 2011

Iniciativa aHorta já na internet - participe!

Para todos os interessados em agricultura urbana - seja em quintal, horta comunitária, varanda ou... monitor de computador ;) - aí está finalmente online a Iniciativa aHorta - à mão de semear !!
http://ahorta.ning.com/
Criado pela Associação In Loco, com um conjunto de parceiros, incluindo o Glocal>Faro, este espaço virtual interactivo vem facilitar a partilha de informação, apoio e diálogo entre quem cultiva, ou quer começar a cultivar, a sua própria horta, em terreno, talhão ou vaso, no Algarve e não só.
«A iniciativa aHorta visa o desenvolvimento da agricultura biológica urbana e a criação de espaços de produção e consumo de proximidade.
...é uma rede social onde qualquer interessado se pode inscrever gratuitamente, individualmente ou integrado num grupo, para partilhar experiências e aprofundar a articulação de iniciativas similares de Norte Sul de Portugal»
Destaque-se a existência do Consultório Agrícola online, que responde a dúvidas e divulga «técnicas e boas-práticas agrícolas, importantes para quem se inicia na aventura de criar a sua Horta». Existe também já um grupo para a "Horta Comunitária Nascimento", de S. Brás de Alportel, cujas inscrições vão abrir no próximo dia 15 de Junho - dia em que será também feita a apresentação pública do site.

Irá criar-se igualmente um grupo específico para Horta de Faro, quando esta entrar em funcionamento. Bem como, claro, outros grupos que correspondam aos interesses dos membros desta rede. A iniciativa também é sua!

Para começar a participar basta registar-se em: http://ahorta.ning.com

Como noutras redes sociais, poderá depois escolher grupos em que se envolver, dialogar com outros membros, adicionar conteúdos, etc - bem como configurar, por exemplo, que informação quer receber por email.

Link para Nota de Imprensa (pdf)

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Debate Público "Campina de Faro: que futuro?"

«No âmbito da iniciativa comunitária PROGRAMA MED, a CCDR do Algarve integra, em conjunto com os representantes regionais de três estados membros (Espanha - regiões da Andaluzia, Murcia, Valencia e Catalunha, Itália – regiões de Lazio, Basilicata, Veneto, Lombardia e Emilia-Romagna, e Grécia - região de Magnesia) o projecto “PAYS.MED URBAN – Elevada qualidade da Paisagem como elemento chave de sustentabilidade e competitividade das áreas urbanas mediterrâneas”.

Para debater "Campina de Faro - a interface agricola do sistema urbano de Faro", integrado no projecto, irá realizar-se no dia 16 de Junho uma iniciativa aberta ao público animada por especialistas, técnicos e decisores.

Consulte o Programa do evento aqui.

O projecto tem subjacente o entendimento que a elevada qualidade da paisagem não só é um factor de identidade e um património com valores naturais, ecológicos e histórico-culturais, como constitui também um recurso fundamental para o desenvolvimento económico e a competitividade das áreas urbanas com capacidade para atracção turística e, cada vez mais, para a localização de empresas dos novos sectores económicos e do trabalho, de profissionais qualificados e criativos.

Consulte Cartaz aqui   »
Data: 16 Junho, 9h30- 17h
Local: Auditório da CCDR Algarve, Faro
Inscrições: Formulário Online

Fonte: www.ccdr-alg.pt/ccdr/index.php?name=News&file=article&sid=570

domingo, 5 de junho de 2011

Encontro sobre Mercado de Trocas em Faro

O Glocal>Faro organizou esta semana (dia 31 de Maio, no Largo da Madalena, em Faro), um encontro para discutir os moldes em que se poderá promover um "Mercado de Trocas" na nossa cidade.

Como previsto, contámos com a colaboração da Associação In Loco (Priscila Soares), da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António (Susana Araújo) e da Ecoteca de Olhão (Fátima Monteiro), que lançaram o debate, fazendo apresentações dos Mercados de Trocas que já organizaram na região.
Seguiu-se uma produtiva troca de ideias, envolvendo representantes da Câmara Municipal de Faro (Vereadora Alexandra Gonçalves), da A.A.P.A.C.D.M. - Associação Algarvia de Pais e Amigos das Crianças Diminuídas Mentais, da Provectus - Associação em Prol da Terceira Idade, Glocalistas e residentes na cidade - incluindo alguns vizinhos do Lg. da Madalena, onde a iniciativa será lançada. A Junta de Freguesia de S. Pedro, embora não podendo estar presente, deu conhecimento da sua  disponibilidade para apoiar o futuro Mercado.

O resultado?: definiram-se as principais regras de funcionamento do «Mercado de Trocas» a realizar em Faro, tendo ficado decidido avançar com uma "1ª edição" já no próximo mês de Julho!

Está neste momento a circular entre os participantes a proposta de modelo de funcionamento, para últimos comentários. Iremos publicá-la aqui no Blogue muito em breve!

Obrigada a todos os participantes!
e ao Bakana's cujo espaço "ocupámos" ;-)




Mais fotografias aqui

Workshop: Cidades Inteligentes (Prosperidade Renovável) - Faro, 2 Junho

ICS: +info no site e Facebook
O Glocal participou no Workshop "Cidades Inteligentes (Prosperidade Renovável)" que se realizou este semana em Faro, na CCDR Algarve, promovido pela Iniciativa Construção Sustentável (www.construcaosustentavel.pt).
Encontram o programa aqui e já estão também disponíveis on-line as comunicações (apresentações, em formato PDF, e gravações áudio, em formato MP3) do Workshop, estando prometidas para breve fotos do evento.
«Uma cidade sustentável é, por definição, “compacta, completa e conectada”. A cidade inteligente nasce deste conceito de sustentabilidade urbana e assenta numa gestão dinâmica e em tempo real de todos as condições e dos fluxos que a cidade gera, dando prioridade à resiliência da cidade, à eficiência na utilização de recursos e à utilização de recursos renováveis, distribuindo os benefícios de forma equitativa.

A eficiência energético-ambiental do meio edificado, a descentralização da transformação de recursos renováveis que introduzem o conceito de “utilizador-produtor”, as “redes inteligentes e bi-direccionais” e a capacidade de “armazenamento descentralizado de recursos” à escala urbana, a disponibilização de toda a informação em tempo real sobre os fluxos e a gestão dinâmica das condicionantes climáticas que afectam o bem estar da cidade, estão entre os temas abordados.»  [Fonte: ICS]
Para um enquadramento geral do tema vejam/ouçam por exemplo a apresentação de Livia Tirone.

O Glocal>Faro está a pensar em desenvolver (mais ;-) uma iniciativa que contribua para tornar Faro uma cidade mais sustentável. Tem sugestões? ficamos à espera!

Faro integra Global City 2.0

Já aqui referimos o Movimento "Cidades pela Retoma", que se apresenta assim:
As cidades desempenham um papel nuclear no desenvolvimento do país, por aí concentrarem uma parte substancial da população, órgãos de poder, grupos e dinâmicas económico-sociais.
A crise actual pode ser uma oportunidade para produzir um novo olhar sobre o papel das cidades na vida económica e social do país.
Contudo, isso obriga a uma mobilização dos diversos agentes sociais, culturais e económicos e novas metodologias de planeamento com uma forte liderança pública.
Este espaço pode ser uma oportunidade para discutir as políticas e os instrumentos de intervenção sobre as cidades em Portugal.
+ info em: http://www.facebook.com/CidadespelaRetoma
http://noeconomicrecoverywithoutcities.blogs.sapo.pt/

Ligado a este iniciativa, surge também Global City 2.0, "um convite aberto a indivíduos, grupos e instituições que queiram pensar no papel dos MOVIMENTOS CÍVICOS URBANOS e seu potencial para transformar cidades, e não só, especialmente nesta época de dificuldades económicas"
No site globalcity.blogs.sapo.pt têm vindo a reunir informação a nível nacional:
Lista de ‘blogues (e sites) de ruas, bairros, vilas ou cidades’
(...) uma catalogação e sistematização dos vários espaços virtuais (blogues ou sites) promovidos por cidadãos e grupos de cidadãos que gostam de pensar de forma colectiva sobre o futuro das suas cidades (vilas, bairros ou lugares).

Ver 'GLOBAL CITY 2.0' (mapping citizenship) num mapa maior

Aí se encontram já 4 referências para Faro - incluindo o Glocal>Faro, claro ;-)
Ocorreu um erro neste dispositivo